Por: Grupo Ágape






 É engraçado como Deus escreve o certo por linhas tortas, coloca situações e pessoas em nosso caminho com uma finalidade. A tal da Providência Divina!


Conhecemos a Oficina através de um texto compartilhado por uma pessoa que conhecemos de forma bem aleatória na Jornada Mundial da Juventude. E isso foi o suficiente pra  que nos encantássemos com o trabalho! A partir daí, começamos a acompanhar sempre os textos do blog, que são ótimas fontes de inspiração pra trabalharmos no grupo e para nosso crescimento pessoal.


No final do ano passado,  decidimos que queríamos fazer um retiro para a juventude da nossa cidade, algo que fosse diferente do que estamos acostumados a vivenciar em retiros tradicionais, algo que tivesse a cara do nosso grupo de jovens, o Ágape. Digamos que uma de nós era uma leitora mais ativa do blog e percebeu que o trabalho de vocês era exatamente o que estávamos procurando.

 Com essa ideia na cabeça, fomos fazer contato, pelo Twitter.  Fizemos o convite, com medo de recebermos um não.. e de recebermos  um sim também. A resposta foi sim! E então tivemos que começar os preparativos, decidimos que o tema do retiro seria “Quero um amor maior”.
Desejávamos  algo que  nos instigasse a buscar mais de Deus e que nos fizesse perceber o quão grande é o amor Dele por nós.  Bom, além de toda preparação do retiro em si, tivemos que arrecadar fundos pra isso e então fritamos muito pastel.  Foi bem divertido, nossos jovens ajudaram, a comunidade recebeu bem nossa proposta e nos apoiou bastante!

Conforme o tempo foi passando, as coisas começaram a ficar reais. A cada conversa que tínhamos com o pessoal daí, vinha um friozinho na barriga e junto com isso a vontade de que o dia chegasse logo.  Fomos  preparando as coisas,  colocando em oração e então... chegou o dia!

Hoje faz exatamente uma semana* que cinco “oficineiros” chegaram aqui.  No começo todos meio acanhados e nós mais ainda, mas logo fomos criando laços,  mostrando o que esperávamos e eles respondendo muito bem às  nossas expectativas. Na verdade, até superando cada uma delas.

O retiro fluiu da melhor maneira possível, foi muito bom ver a aceitação dos participantes, a alegria, os sorrisos,  a empolgação e o encontro com o “Amor Maior”. Foi muito boa a sensação de ver tudo que sonhamos pro retiro sendo realizado e ver também quanta coisa foi acrescentada, tanto em nós do Ágape e no pessoal da Oficina, quanto em quem participou e vivenciou de coração aberto essa proposta.

Tem uma música do Jason Mraz que diz um pouco sobre o que experimentamos:  “O amor é uma coisa engraçada Sempre que o dou, ele vem de volta para mim.  Esse retiro traduziu isso de uma forma tão simples e tão leve!

 Acredito que conseguimos atingir o objetivo de levar o “Amor Maior” a muitos corações, não só aos de quem viveu esse retiro, mas também  àqueles que receberam um abraço de um desconhecido na rua,  àqueles que encontraram uma mensagem na sua caixinha de correio, a quem estava no hospital e teve uma visita, uma oração, um carinho de gente que nem conhecia.

Temos muito que agradecer a Oficina de Valores por ter aceitado esse convite ousado,  mas que agregou muito tanto em  nós  quanto nos “oficineiros”.  E nesse pouco tempo de convivência pudemos perceber o quanto especial e talentoso  esse pessoal é.  Cada um dos que vieram, de alguma forma,  deixou algo aqui que será sempre lembrado com um sorriso no rosto.

O que fica agora é o sentimento de gratidão e uma pontinha de saudade desses dias tão ricos em que pudemos ver de forma concreta que há muito mais alegria em dar do que em receber!

E como dizia São João Batista Piamarta: “Tudo para maior glória de Deus e o bem da juventude”.

Muito obrigado, e avante Oficina! 


Amanda Turmina,

Bruna Turmina,

Nicoly Giasson,
Dienifer Teodoro
Coordenadoras do Grupo Ágape
Amigas da Oficina de Valores 


*O grupo da Oficina chegou à cidade de Matelândia - PR no dia 3/9




0 comentários:

Postar um comentário